Dia da televisão

dia da televisãoTudo na vida tem uma data comemorativa e com a TV não seria diferente. No dia 11 de agosto é celebrado o dia internacional da televisão, um dos eletrônicos mais populares no mundo todo. O dia da comemoração é em função da padroeira da TV, Santa Clara, que nasceu nesta data. Sim, a televisão tem até uma padroeira!

Padroeira da televisão
Dia da televisão - Santa Clara Padroeira da TVSanta Clara foi considerada a padroeira da TV devido a uma lenda que envolve seus últimos momentos de vida. Na noite de Natal de 1252, um pouco antes de sua morte, Clara estava com uma grave enfermidade e não pôde participar das celebrações com o resto das irmãs. Quando as irmãs retornaram, Clara descreveu detalhadamente tudo o que aconteceu na missa em que não estava presente.

Segundo a lenda, Clara teria visto e ouvido tudo, como se tivesse um televisor no quarto. Por isso, o Papa Pio XII reconheceu oficialmente Santa Clara como padroeira da TV. Na carta apostólica que registra o ato, consta a seguinte frase como justificativa: “para que essa invenção (a TV) seja protegida por uma direção divina, para evitar males e promover seu uso correto”.

História da Televisão
Criada por cientistas americanos, japoneses e europeus, em meados de 1920, a televisão revolucionou as telecomunicações. No Brasil, ela chegou apenas em 1950, mas foi popularizada a partir dos anos 60. Ela teve, e ainda tem um papel fundamental dentro do desenvolvimento da comunicação. Segundo dados recolhidos pelo IBGE, em 2010 a televisão esteve presente em 95% dos lares brasileiros.

Selecionamos um banner com principais mudanças da TV ao longo dos anos. Veja abaixo.como a televisão mudou ao longo dos anos

Papel social
Nem sempre o papel social da televisão é seguido pelas emissoras. Por estar presente nos lares de todas as classes sociais, as grandes emissoras poderiam manter uma programação balanceada, na qual a cultura, educação e serviços deveriam ser prioridades. Porém, na maioria dos casos, não é o que acontece. As grandes emissoras da TV aberta oferecem uma programação desproporcional, fazendo com que o telespectador se habitue a assistir programas com conteúdo duvidoso e superficial, deixando de lado temas de interesse público.

Televisão e globalização
Contudo, apesar dos pesares, a TV comunica e conecta as pessoas este mundo globalizado em que vivemos. E ainda é uma mídia muito jovem. Com a implantação do sinal digital aberto e gratuito no Brasil, especula-se que haverá uma tendência de democratização da produção e distribuição do conteúdo televisual. Por enquanto, vamos assistindo. =)

Veja artigos relacionados

Comentários (0)

Deixe o seu comentário!